Acesse o Currículo artístico da artista clicando no link abaixo

Acesse as exposições realizadas pela artista clicando na imagem abaixo

Abaixo temos uma pequena seleção das mostras, mas clicando na imagem acima você terá uma ideia mais ampla das exposições realizadas pela artista e outras com sua curadoria.

B de Bananal - Individual com amigos - 2020 e 2021

O video abaixo foi realizado para o projeto educativo: releituras das obras da artista, pelas escolas da rede pública e privada de Socorro-SP.

B de Bananal no Museu Municipal de Socorro-SP e on line: totemcultural.org.br/expo
São pinturas, esculturas em cerâmica e instalações de Marinilda Boulay.

Exposição da qual a artista realiza a curadoria. O projeto envolve pesquisa de campo, curta-metragem, e publicação de livro – 2020.

Retrospectiva José Peretto, pequisa e curadoria de Marinilda Boulay. José Peretto é o precursor das artes visuais de Socorro-SP, ele realiza a primeira exposição da cidade em 1936.

Currículo artístico

A artista expõe constantemente em mostras e bienais nas diversas regiões brasileiras como no ENANCO (Encontro Nacional de Artistas Naïfs no Centro-Oeste, (Goiânia-GO); o FIAN Festival Internacional de Arte Naïf (Guarabira-PB); a Exposição Internacional Universo da Alma Ingênua (Vitória – ES); mas também fora do Brasil como no « Festival Internacional de Arte Naïf » em Katowice na Polônia, o « Les Rendez-vous des Naïfs » em Vernueil na França.

Suas obras fazem parte de acervos de museus como o Museu da Arte Naïf de Guarabira, PB; o MiMAN, Mini Museu de Arte Naïf de Paraty, RJ; Museu Municipal de Socorro-SP, e de coleções particulares.

Ao lado de Rosângela Politano, criou e realiza a BÏNaif – Bienal Internacional de Arte Naif Totem Cor-Ação, que acontece em Socorro-SP desde 2017, e que terá sua 3a edição em 2021. Mostra que reúne artistas brasileiros e internacionais no Museu Municipal de Socorro-SP, com importante programação de oficinas, lives, programa educacional, intercâmbio de artistas, criação de obras coletivas, publicação de catálogo, etc. Acesse : binaif.org.br

Está na origem do projeto « Salão Paulista de Arte Naïf » ao lado de seus parceiros, realiza a maior exposição da produção naif de São Paulo dos últimos tempos, no período de 26 de junho a 29 de agosto 2021 no Museu de Arte Sacra de São Paulo, e de 27 de novembro 2021 a 08 de janeiro 2022 no Museu Municipal de Socorro-SP, tendo como proposta fomentar a arte naïf paulista criando um espaço de valorização, difusão e circulação das obras e dos artistas pertencentes a essa estética. Acesse: spartenaif.com.br

Foi contemplada com o Prêmio Culturas Populares, oferecido pelo Ministério da Cultura brasileiro em 2018. Recebeu diversas vezes prêmios através do ProAC, Programa de Ação Cultural do Governo do Estado de São Paulo, através da sua Secretaria da Cultura e Economia Criativa para a realização de projetos elaborados pela artista, e de exposições em torno da cultura popular, e da arte naïf, como Congada nas Escolas, realizado com sua mãe Leonor A. Bertolete (2011/2012), acesse: https://congadacongadinha.com.br/mestra-d.-leonor—congada-nas-escolas.html ; Fitas e Flores (2013/2014), acesse: https://congadacongadinha.com.br/fitas-e-flores.html ; Congada, congadinha (2015/2016), acesse: congadacongadinha.com.br ; Congadas, cortejo de cores e devoção (2016 a 2018), acesse: congada.art.br ; Benzedeiras, tradição milenar de cura pela fé (2019/2020), com a realização de um curta-metragem do mesmo nome: https://youtu.be/0wXaWK4mLJk

acesse: totemcultural.org.br/expo/benzedeiras

https://totemcultural.org.br/expo/benzedeiras-livro-de-arte-catalogo/

https://totemcultural.org.br/expo/benzedeiras-expo/

https://totemcultural.org.br/expo/benzedeiras-artistas-e-obras/

Foi premiada em 2020 pelo ProAC Município da sua cidade natal, Socorro-SP para realizar uma exposição individual a B de Bananal, mostra presencial e on-line da artista. Trabalho feito durante a pandemia faz reflexão sobre a preservação da natureza e dos territórios indígenas.  A artista convidou mais de 50 artistas para participarem ao lado dela numa instalação criada dentro do projeto especialmente para eles com suas obras impressas em cetim. Acesse : https://totemcultural.org.br/expo/

Este projeto ganhou um novo prêmio em 2021 do ProAC LAB – Lei Aldir Blanc, para realizar sua itinerância em formato « Galeria viva » ao ar livre em meio a um bananal,  em 4 bairros da zona rural da cidade de Socorro-SP e no Museu do Sol em Penápolis-SP que possui o maior acervo de arte naïf da América Latina entre os dias 7 de outubro e 07 de novembro 2021.

Além de seu trabalho enquanto artista visual, Marinilda tem elaborado, produzido e realizado importantes projetos de fomento, valorização e difusão da cultura tradicional e popular, e de outras manifestações do patrimônio material e imaterial caipira brasileiro.

A arte de Marinilda Boulay por Oscar D’Ambrosio, crítico de arte

Ser artista, em qualquer uma de suas manifestações, significa encontrar seu lugar no mundo. Trata-se de achar uma voz própria e colocá-la para fora de alguma maneira. Nas artes visuais, a cor, a forma e os recursos que o espaço plástico e os materiais oferecem são os recursos à disposição de cada criador.

Formada em Interpretação Teatral pela ECA – Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo, com Doutorado no Instituto de Estudos Lusófonos e Brasileiros pela Université de la Sorbonne Nouvelle – Paris III em Literatura Dramática Comparada, Marinilda Boulay se manifesta pela chamada arte naif.

Isso significa construir manifestações visuais em que se relaciona com a realidade por meio do amor às manifestações populares e por um intenso uso da cor. A fantasia se instaura ao lado de elementos do cotidiano, estabelecendo uma atmosfera de paz e harmonia contagiante.

Natural de Socorro, SP, onde reside até hoje, Marinilda tem 12 anos de França na bagagem e um amor pela existência que dão ao seu trabalho uma peculiar mescla de ingenuidade plástica com estofo cultural. Surge assim uma linguagem própria, que encanta e faz pensar.

Acesse: marinildaboulay.art.br

Exposições até 2011:

2021

– Idealização e realização com seus parceiros do 1° Salão Paulista de Arte Naïf , no período de 26 de junho a 29 de agosto 2021 no Museu de Arte Sacra de São Paulo, e de 27 de novembro 2021 a 08 de janeiro 2022 no Museu Municipal de Socorro-SP, tendo como proposta fomentar a arte naïf paulista criando um espaço de valorização, difusão e circulação das obras e dos artistas pertencentes a essa estética. 

– « Itinerânica B de Bananal » ao ar livre em formato Galeria Viva, em meio a um bananal e em 4 bairros da zona rural de Socorro-SP, entre abril e junho 2021. No Museu do Sol entre os dias 07 de outubro e 07 de novembro 2021.

Acesse: marinildaboulay.art.br

2020

– Retrospectiva José Peretto – uma homenagem. Curadoria e participação com obras, Socorro-SP.

– MAPS – Mostra de Artes Plásticas de Socorro-SP, participação com obras em pintura e escultura em cerâmica. Socorro-SP.

– Festival de Arte Naif – participação com obra em pintura. Katowice Polônia,

– B de Bananal – exposição individual no Museu Municipal de Socorro-SP do 13.10.2020 ao 14.11.2020. Exposição on line no site: totemcultural.org.br/expo.

– Nossa Escolha Naif, Participação com obra em pintura. Galeria André Cunha, Paraty-RJ

– Exposições virtuais durante a pandemia do Covid-19

 @arteemtempodecoronavirus – exposição virtual no Instagram coordenada pelo critico de arte Oscar D’Ambrosio. Participação com 6 obras:

https://www.instagram.com/p/CCd9LrcnUeN/

https://www.instagram.com/p/CBjGWihHppO/

https://www.instagram.com/p/CBipcnunPCD/

https://www.instagram.com/p/CAsaAsUnxgR/

https://www.instagram.com/p/CAQ_Iocjc0U/ 

https://www.instagram.com/p/CANV0FrDyC6/

– FIAN- MIANM – Exposição virtual paralelamente entre o FIAN – Festival Internacional de Arte Naif de Guarabira – Paraíba e MIANM – Museu Internacional de Arte Naif de Magog nono Canadá. Participação com 4 obras http://fianguarabira.com.br `

https://www.artnaifmagog.com/en 

Olhar Naif em tempos de Convid-19 – exposição virtual, participação com obra em pintura: https://ciaartecultura.com.br/aconteceu/58/exposicao-olhar-naif-em-tempos-de-covid-19.

2019 

– Universo da Alma ingênua. Participação com obras em pintura. Santa Tereza – ES.

– 2° ENANCO – Encontro Nacional de Artistas Naifs no Centro-Oeste. Participação com obras em pintura. Goiânia – GO

– II FIAN – Festival Internacional de Arte Naif. Participação com obras em pintura. Guarabira- PB.

– Mostra Nacional de Arte Naif. Participação com obras em pintura. São Paulo; Suzano e Diadema – SP

– Cortejo de cores e devoção com as congadas. Curadoria e obras expostas. Socorro-SP.

– Exposição « Coletivo de Mãos », participação com esculturas em cerâmica, Socorro-SP

– Raízes da Arte Naif. Curadoria de Paulo Dud. Participação com obras em pintura. Assembleia Legislativa de São Paulo-SP e Embu das Artes-SP

– Literatura Brasileira uma Visão Naif. Participação com obra em pintura. Galeria André Cunha, Paraty-RJ

– 2a BÏNaif – Bienal Internacional de Arte Naïf Totem Cor-Ação, concepção e realização ao lado do Projeto Cor-Ação (Rosângela Politano), e obra exposta. Socorro-SP

– Festival de Arte Naif – Participação com obras em pintura. Katowice, Polônia

– Diamantina – Patrimônio da Humanidade – Participação com obra em pintura. Diamantina-MG.

– Les Rendez-vous des naifs – Participação com obras em pintura. Verneuil-sur- Avre – França

2018

– Festival de Arte Naif –  mostra internacional, a mais importante da Europa, participação com obras em pintura. Katowice Polônia.

Exposição Congadas: cortejo de cores e devoção, curadoria e obras em pintura e esculturas em cerâmica expostas. Socorro-SP.

Exposição « Coletivo de Mãos », participação com esculturas em cerâmica, Socorro-SP.

– IV MAPS – Mostra de Artes Plásticas. Participação com pinturas e escultura em cerâmica. Socorro-SP.

I FIAN – Festival Internacional de Arte Naif. Participação com obras em pintura. Guarabira- PB.

– Festival de Arte Naif – Participação com obras em pintura. Katowice Polônia

2017 

– A trajetória da arte naif no Brasil, curadoria Enzo Ferrara. Participação com obras em pintura. Mogi das Cruzes – SP

– “Naïf a arte livre de convenções”, curadoria Rocha Maia. Participação com obras em pintura. Espaço Cultural Zanine, Búzios-RJ

– “Circulando ideias”- Participação com escultura em cerâmica. Socorro-SP

– SAV – Salão de Artes Plásticas. Menção honrosa pelas obras em pintura expostas. Vinhedo-SP

– 1a BÏNaif – Bienal Internacional de Arte Naïf Totem Cor-Ação, concepção e realização ao lado de Rosângela Politano.  Obra em pintura exposta. Socorro-SP

“Vitrines da Bienal” obras expostas em vitrines de comércios da cidade de Socorro-SP.

Congadas, cortejo de cores e devoção, elaboração do projeto, curadoria, participação como artista, publicação de catálogo.

2016 

– Mostra de Arte Naif  “Estação Socorro”. Participação com obras em pintura.Socorro-SP

“Arte feita por mulheres” curadoria de Paulo Dud. Participação com obras em pintura. Embu das Artes-SP.

– “Congada, Congadinha – fortalecer e transmitir o patrimônio imaterial de Socorro”, curadoria participação com obras. Socorro-SP.

2015 

– “Congada, Congadinha – fortalecer e transmitir o patrimônio imaterial de Socorro”, curadoria participação com obras. Socorro-SP

–  “Patrimônios arquitetônicos”. Participação com obras. Socorro – SP

– “Cem Primaveras de uma senhora para là de florida” em homenagem à artista centenária D. Ruth.  Participação com obra.Timóteo – MG

– III MAPS – Mostra de Artes Plásticas de Socorro- Prêmio Edmur Godoy de Artes Plásticas: contemplada com dois prêmios por suas obras expostas. Socorro-SP .

2014

2a exposição de arte Naif de Socorro : “A Beleza está nos olhos de quem vê”, Menção honrosa pela obra “Eu mesma”. Socorro-SP.

« Fitas e Flores », elaboração do projeto, oficinas, apresentações, publicação de livro com CD e DVD encartados.

2013

« Congadas patrimônio imaterial », curadoria e participação com obras. Socorro-SP

« Fitas e Flores », elaboração do projeto, oficinas, apresentações, publicação de livro com CD e DVD encartados.

2012

“Mulheres”. Participação com obras, Socorro-SP

Congada nas Escolas, elaboração do projeto, publicação de livro, oficinas, apresentações. Ao lado de Leonor Arioli Bertolete.

2011

“Varais”, participação com obras e realização da curadoria. Socorro-SP

Congada nas Escolas, elaboração do projeto, publicação de livro, oficinas, apresentações. Ao lado de Leonor Arioli Bertolete.

Acesse: marinildaboulay.art.br